sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Really?

Ora, vamos supor a seguinte situação:

Rapariga A conhece Rapaz B, porque este é amigo de Rapazes C e D. A Rapariga A não tem qualquer tipo de relação de amizade com o Rapaz B, fora os "Bons Dias" e "Boas Tardes" da praxe, e conversa de circunstância. Um dia o Rapaz B decide meter conversa com a Rapariga A, porque esta estava a falar com Rapaz C de um tema com conteúdo pseudo-sexual. O Rapaz B procede a retomar a conversa durante horas, pede o número de telefone da rapariga A aos Rapazes C e D, e tenta telefonar-lhe. A Rapariga A não atende porque não conhece o número, mas recebe uma mensagem do rapaz D a dizer quem é que está a ligar. A Rapariga A continua a não atender o telefone, e é presenteada com a seguinte mensagem:

"Ordinária, porque é que não atendes?"

Relembro o tipo de relação que existe (ou quase não) entre a Rapariga A e o Rapaz B. Depois desta mensagem encantadora, continua ainda com a tentativa de convidar a Rapariga A para sair.

A minha pergunta, no meio desta salganhada de letras (parabéns a quem percebeu tudo!), é a seguinte: Há assim tantas raparigas desesperadas o suficiente para aceitarem este tipo de coisas, ou sou eu que sou estranha por ter achado completamente ridículo??

Image and video hosting by TinyPic

0 comentários: